Sugestões de Livros e Filmes

O Filme Medianeras e Buenos Aires

SOBRE A PELÍCULA

Imagina um Filme todo ambientado na Capital Argentina? Assim é ”Medianeras: Buenos Aires na era do Amor Virtual”, uma coprodução entre Argentina e Espanha. Lançado em 2011 e com Direção de Gustavo Taretto, o filme trata de um assunto sempre atual, ainda mais na Era da Tecnologia e dos Aplicativos de Relacionamentos: a solidão nas grandes cidades e os subterfúgios que utilizamos na vida pra tentar driblar a mesma.

A Internet aproxima ou distancia? Esse é o questionamento trazido enquanto somos apresentados a Martin e Mariana, protagonistas dessa História repleta de diálogos subjetivos, profundos. É, sem dúvida, um dos filmes mais geniais que já vi e sem pretensão alguma de ser.

1129769_Medianeras
MARTIN E MARIANA, PROTAGONISTAS DO FILME

Prometo não dar Spoiler, mas se você ama filmes repletos de diálogos inteligentes, se está acostumado a ambientes virtuais e, de quebra, é um Viajante que curte produções cinematográficas que contam um pouco sobre lugares, Medianeras vai te agradar em cheio.

Posso dizer que Buenos Aires é um Personagem do Filme. Aliás, a rotina frenética, a Arquitetura argentina, de Edifícios modernos inseridos caoticamente em meio a Prédios Históricos, tudo isso entrecortado por Fios e Cabos que transmitem sinais, energia e ondas tecnológicas é pano de fundo pra se falar sobre relações interpessoais que construimos quando vivemos em grandes cidades.

medianeras-resenha-filme3medianeras-1-599x400

E de onde surgiu esse Título? Medianeras são pequenas janelas abertas por moradores no intuito de deixar entrar luz e ar em seus apartamentos tão escuros, pequenos e isolados e isso é usado como uma metáfora para falar, de modo sutil, da solidão urbana de vidas reais atreladas a contatos virtuais aos quais já andamos tão acostumados.

Outro ponto interessante é a analogia feita com o famoso livro ”Onde Está Wally”, presente   no Filme em várias cenas.  A Frase ”Como encontrar o amor sem saber onde está” faz referencia ao Personagem que marcou uma geração. Aliás, Medianeras é recheado de frases impactantes assim.

SOBRE CONHECER A BUENOS AIRES DO FILME

Retornei a BA ano passado e foi uma experiência diferente olhar a cidade por um outro víes, após assistir a história de Martin e Mariana.

Fui, propositalmente, em lugares que vi no Filme, reconheci cenas do Cotidiano, tais como as pessoas que trabalham passeando com cachorros pelas ruas e vi as famosas Medianeras logo que chegue. Realmente, é uma cidade grande, que não para. Os habitantes sempre imersos em seus celulares, como em qualquer outro lugar do mundo atualmente, compõem o cenário urbano.

E me questionei nos dias em que lá estive se, num mundo de APPs ainda era possível nos olharmos nos olhos ao invés de mirarmos para telas de celulares. E constatei que sim. Foi uma viagem solo, mas conheci pessoas, estabeleci vínculos.

Fica aqui registrada minha dica pra quem curte os Hermanos e gosta do Cinema alternativo que nos convida a reflexões muito além de uma simples diversão. É otima opção caso admire Filmes de origem Latina. Além disso, é um convite pra se conhecer uma das cidades mais lindas do mundo. Sou suspeita pra falar porque minha ligação com a América Latina nem a Psicanálise explica.

E voce? Já assistiu algum filme ambientado em Cidades ou lugares nos quais já esteve? Conhece Buenos Aires? Me conte por aqui nos comentários. E o que acha dessas relações virtuais? Pra você, elas aproximam ou distanciam pessoas?

14 comentários em “O Filme Medianeras e Buenos Aires”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s